O Que é a Dieta Carnívora?

A dieta carnívora admite somente produtos de origem animal em seu cardápio, dando atenção especial à vísceras, gordura e também ovos. Ela está sendo utilizada por pessoas que desejam emagrecer, controlar o açúcar no sangue e também controlar muitas doenças alérgicas ou auto-imunes.

Dieta Carnívora

Não se sabe se a dieta carnívora faz bem a longo prazo, mas a curto prazo os benefícios são inegáveis. Na história humana, poucas sociedades viveram a base somente de animais.

O exemplo clássico é o dos inuítes, ou esquimós, um povo que come basicamente carne e gordura de baleia e foca. Atualmente, cada vez mais pessoas têm se interessado pela dieta carnívora, não pela necessidade mas por pura opção.

Quantos Quilos Posso Perder com a Dieta Carnívora? 

A quantidade de peso que você pode perder nesse tipo de dieta varia muito do nível de sobrepeso em que você está e também do seu próprio metabolismo. Algumas pessoas perdem 3 à 5 kg logo na primeira semana, podendo chegar até 20 kg ou mais nos primeiros meses se você for obeso.

Basicamente a dieta carnívora é sobre o que não comer, já que ela exclui tudo que não for animal. Sem carboidratos, vegetais e antinutrientes, é praticamente impossível não emagrecer e regular a saúde.

Outros Benefícios da Dieta Carnívora… 

Além do emagrecimento rápido, a dieta carnívora ainda apresenta muitas vantagens:

  • Menos sono durante o dia 
  • Melhora da digestão 
  • Foco mental 
  • Maior desempenho físico 
  • Regulação de todas as taxas sanguíneas como colesterol, triglicerídeos e glicemia 
  • Menos tempo na preparação das refeições 
  • Menos preocupação sobre o que pode ou não pode comer 
  • Livre de processados, industrializados, conservantes, corantes e substâncias químicas que não conhecemos

A dieta carnívora pode fazer mal?

A ciência ainda não tem um consenso sobre as vantagens e desvantagens da dieta carnívora. O mais próximo que conhecemos é a alimentação baseada somente em animais dos esquimós, como comentado acima. Esse povo tem uma ótima saúde e taxas ideais de colesterol, glicemia e outros parâmetros. 

Mas, evolutivamente, variar a dieta pode ser o mais indicado. Portanto, fazer a dieta carnívora por alguns meses pode ser a solução para a melhora da saúde e, mas isso não é necessário a longo prazo. 

Pessoas que adotam esse tipo de dieta tem poucas reclamações, mas a principal delas é a de episódios recorrentes de diarréia nas primeiras 6 semanas. Como o corpo não está acostumado a lidar com tanta gordura, o ajuste biliar leva algum tempo.

Além disso, evidentemente você não deve consumir carnes enlatadas ou processadas. Dê preferência exclusivamente a cortes in natura e preparados de forma caseira.

LEIA TAMBÉM:

Como Afinar a Cintura com 1 Exercício Simples

Exemplo de Cardápio: 

Pela manhã, se você sentir fome, você pode comer 3 ou 4 ovos com queijo. No almoço, dois ou três tipos de cortes diferentes de carne, como sobrecoxa de galinha, costela bovina e torresmo. Dificilmente você sentirá fome à tarde, mas se isso acontecer, você pode tomar um café batido com nata. À noite, dois bifes com ovos serão mais do que o suficiente.

Preciso Consultar um Nutricionista? 

Quando você deseja fazer uma mudança muito drástica na alimentação, é recomendado que você consulte um nutricionista ou médico nutrólogo. Dessa forma ele irá te ajudar a compor um cardápio completo com todos os nutrientes necessários e rico em vitaminas e minerais Além disso, na dieta carnívora é necessário que você faça ingestão de vísceras, pois esse esses cortes são mais nutritivos do que os músculos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *